Valesca Popozuda dispara: 'Sempre fui diva, mas antes colocava tudo de fora'

0 comentários

Valesca deu uma repaginada, mas assume ainda usar peças bem justinhas (Foto: Divulgação)Funkeira vai invadir a casa do 'Dança dos Famosos', do 'Domingão do Faustão'. É hoje, a partir das 15h com transmissão ao vivo. Não perca o show!

Nesta quinta (17), a partir das 15h, a casa do Dança dos Famosos vai tremer! Loira e poderosa, Valesca Popozuda vai invadir o quadro do Domingão do Faustão. O show vai ter transmissão ao vivo aqui no Gshow! Fique ligado e não perca!

Afinal, é semana de espantar o recalque, dar aquele beijinho no ombro e se jogar no funk. "Vamos nos jogar no batidão, gente! A dica é sentir a música e relaxar. Sorte para todos! O ritmo não é fácil, mas é viciante", garante.

Acompanhe tudo o que rola no Dança dos Famosos em tempo real!

E para quem quer ousar, descer até o chão e, quem sabe, improvisar um quadradinho, fica um alerta. "O quadradinho é difícil! O movimento deixa a lombar muito dolorida. Mas o lance é começar devagar e depois aumentar a velocidade. Eu, particularmente, só sei o básico (risos)", conta a popozuda, que também vê o funk como um ritmo vitorioso na música brasileira. "É o novo pop. Em qualquer festa toca. Não é um ritmo vulgar. Todo ritmo tem uma sensualidade. O axé tem, o forró tem, todos têm. Nem existe coxa com coxa, né?", defende. E emenda: "Quebramos barreiras e levamos alegria aos brasileiros".

Valesca, de fato, dá a cara à tapa. Inclusive, na hora de defender as mulheres. "Eu nasci feminista. Cuido desse lado porque tenho mãe, irmãs e sei onde o calo aperta. As mulheres precisam ser respeitadas", fala a artista e mãe de Pablo, de 15 anos. "Eu luto porque tenho família, tenho meu filho... Quero dar o melhor para eles."

Curte o 'Dança'? Vem ver tudo o que está rolando no quadro!

Valesca Popozuda defende as mulheres e diz que já nasceu feminista (Foto: Divulgação)

Apesar de muito trabalho, a popozuda diz que ainda não deu para ficar rica. "Calma, calma. Uma coisa de cada vez (risos). Mas minha grande conquista material foi a casa para a minha mãe. E o supérfluo foi me dar uma bolsa Chanel. Que mulher não sonha com uma, né?."

Poderosa demais, né? E satisfeita com o espelho. "Eu sempre me senti diva e linda. Mas eu mudei o meu visual (risos). Eu não tirei nada do meu guarda-roupa. Ainda uso as roupas curtas, vestidos justos, os shorts... Mas antes eu colocava tudo de fora ao mesmo tempo. Agora tenho uma equipe para me ajudar", explica.

Fonte: http://gshow.globo.com/

Comentários